sábado, 25 de Setembro de 2010

A reentré em 3 actos

Por razões diversas entre as quais férias e picos de trabalho estivais, este blog passou a silly season de forma bastante silenciosa. No entanto, embora as razões deste silêncio não estejam ainda de todo neutralizadas, não queríamos deixar de deixar para reflexão um apanhado das muitas coisas importantes que se têm passado e noticiado ultimamente. Segue-se um resumo, em 3 actos.

Acto 1º - Tirem-me deste filme

A interoperabilidade Microsoft sponsored que tão bem funciona nos Press Releases continua a não mostrar resultados. Vejamos por exemplo a questão Silverlight/Moonlight: já lá vão 3 anos após o anúncio e de para que serve? Experimente-se por exemplo visitar o site Oceanlook para ver o plugin bloquear por completo e levar o browser com ele. Talvez seja devido ao Moonlight estar duas versões atrás do Silverlight! Como é evidente, não há um verdadeiro compromisso com a interoperabilidade. O que existem, são Press Releases, algumas bocas em blogs e um plugin que não dá garantias de funcionar na generalidade dos casos.

Quanto ao OOXML: Alex Brown o grande céptico da oposição ao OOXML e em larga medida promotor da sua aprovação, já veio dizer publicamente que afinal a Microsoft não tem feito nada do que prometeu (surprise!) e aparentemente mesmo antes de adoptar o ISO 29500 strict já introduziu extensões não documentadas no ISO 29500 Transitional.

Entretanto, mais um dia, mais uma vulnerabilidade no kernel. A mais recentemente encontrada é especialmente interessante porque já tinha sido corrigida em 2008 e a correcção foi revertida por razões que não se conhecem. É uma derrota "de secretaria" que nos vem mais uma vez lembrar que independente dos méritos técnicos das equipas a gestão da complexidade de projectos grandes é sempre um dos maiores desafios.

Acto 2º - Faça você mesmo

Richard Stallman, um adepto do DYI, resolveu dar espectáculo numa apresentação do European Patent Office na Austrália, aproveitando para dizer o que pensa sobre as patentes de software. Mais informação aqui.

Por cá, tanto o PCP como BE apresentaram propostas relacionadas com as TIC. Ambos os partidos apresentaram propostas para adopção de normas abertas (PCP, BE) e neutralidade na Internet (PCP, BE). O PCP apresentou ainda mais 3 propostas: uma relativa à criação de um Conselho Nacional para as TIC, outra para correcção da actual Lei do Ciber-crime e outra ainda para regulamentação da qualidade de serviço no acesso à Internet. Todo este trabalho é muito importante e demonstra a capacidade de análise e foco de alguns grupos parlamentares que, no que respeita às TIC, surpreende e impressiona pela positiva.

Acto 3º - Até que enfim

Os amigos do costume que durante anos a fio de teimosia nos brindaram com equipamento wireless que só funcionava via ndiswrapper, finalmente mudaram de ideias. Ao que parece os drivers para placas da Broadcom irão ser incluídos em futuras releases do kernel, podendo então o hardware ser posto a funcionar com mais facilidade.

E o próximo Encontro Nacional de Tecnologia Aberta, Linux 2010, vai ser já a 30 de Setembro contando com a presença da CEO da Canonical, Jane Silber. Terá certamente coisas interessantes para partilhar (mas não estão previstas declarações sexistas :) ). Mais informação aqui.



1 comentário:

Eres disse...

Já ia sendo tempo de a Broadcom entrar no século XXI...