quarta-feira, 14 de abril de 2010

Gente com fibra


Diz-se que a comunicação da malta das comunicações não é famosa. Pode ser verdade (ainda não foi desmentido) mas se calhar não é só isso que conta. Ao que se diz, toda a gente merece uma segunda oportunidade: "já que não é inteligente, ao menos seja bonita" ou "já que não sabe falar, que ao menos tenha bom aspecto". Será esse o caso? Este blog foi ver os enredos e concluiu que rolos maiores do que nas cabeças de helpdesk só mesmo no esparguete de fibra e cabos com que as telecomunicações de última geração adornam as melhores fachadas de Lisboa. E o resultado, naturalmente, não é bonito.

Segue-se uma mini reportagem fotográfica, no coração da capital.

Como destruir uma fachada cinquentista

Pormenor de execução


Ó fibra a quanto obrigas...


Pormenor de execução


Pormenor de execução


O verdadeiro "polvo" afinal era este


Nota: nunca esquecer o significado original da palavra "net"


A expressão de Engenheiro "reserved for future use" ganha aqui todo um novo significado


O verdadeiro cabo "co-axial"